Bisturi

Os riscos que envolvem tratamentos estéticos mal indicados

A procura por beleza e rejuvenescimento é constante e crescente.Mas antes de escolher um tratamento estético é importante que se conheça os riscos à saúde e as suas contraindicações.Sua  vida vale mais!

Os riscos que envolvem tratamentos estéticos mal indicados

É indispensável uma avaliação médica especializada, para que todo o histórico de doenças e o perfil do paciente seja documentado,  e através de uma análise criteriosa possa-se indicar determinado procedimento estético e prever as possíveis complicações.

Assim minimiza-se os riscos dos tratamentos, sejam eles faciais ou corporais. Uma falha inicial pode acarretar complicações mais sérias e irreversíveis.Pessoas com doenças auto-imunes, doenças infecciosas ou inflamatórias podem ter o quadro agravado por conta de um procedimento estético.

Além disso, peelings com ácidos, laser, luz pulsada podem desencadear cicatrizes anormais, como cicatriz hipertrófica ou quelóides. Peles com tendência a manchas podem ter piora da pigmentação senão houver critérios bem estabelecidos de que tipo de tratamento a pessoa pode ser submetida.

Procedimentos estéticos são bem vindos ao bem estar físico e emocional da pessoa. Porém sem uma avaliação adequada e sem o conhecimento e preparo para prevenir e tratar possíveis complicações,  eles podem ser tão agravantes quanto o motivo inicial que levou a pessoa a procurar a melhora estética.

Nunca esqueça
O valor de um procedimento não está no preço, mas sim na qualidade do tratamento que é oferecido e executado.

Vladimir Martins

Jornalista, aficcionado por cinema e antenado na vida das celebridades.Engajado nas causas sociais e louco por lasanha.+ info

Notícias relacionadas

MAIS NOTÍCIAS

MAIS NOTÍCIAS