Bisturi

Confira a importância da drenagem linfática no pós-operatório

Depois de uma cirurgia, são necessários alguns cuidados especiais, como uso de medicamentos, repouso e alimentação saudável. Outra medida bastante importante, após um procedimento cirúrgico, é realizar a drenagem linfática no pós-operatório. Saiba mais!

Confira a importância da drenagem linfática no pós-operatório

Depois de uma cirurgia, são necessários alguns cuidados especiais, como uso de medicamentos, repouso e alimentação saudável. Outra medida bastante importante, após um procedimento cirúrgico, é realizar a drenagem linfática no pós-operatório.

O que é a drenagem linfática?
Essa técnica foi desenvolvida na década de 1930, pelo terapeuta dinamarquês Emil Vodder e sua esposa. Ao longo dos anos, esse tipo especial de massagem sofreu algumas modificações, mas seu principal objetivo continua o mesmo: estimular o funcionamento do sistema linfático.

Esse sistema é responsável por conduzir os líquidos em excesso presentes nas células, compostos por substâncias orgânicas e inorgânicas. Durante a prática da drenagem linfática, os movimentos realizados ajudam esses líquidos a atingirem os linfonodos para serem posteriormente eliminados do organismo.

A técnica é recomendada para o pós-operatório de que tipo de cirurgia?
Pode ser utilizada nos procedimentos pós-operatórios de todos os tipos de cirurgia, sejam eles estéticos, sejam para o tratamento de algum problema de saúde. 

Essa massagem é inclusive recomendada em procedimentos pré-operatórios. Por outro lado, em algumas cirurgias, ela já faz parte da lista de procedimentos de recuperação. São elas:

Quais os benefícios da drenagem linfática no pós-operatório?

Fabiana Tavares

Jornalista especializado em shows e vida saudável. Fã de música e livros.+ info

Notícias relacionadas

MAIS NOTÍCIAS

MAIS NOTÍCIAS